ANALITYCS

Rochas sedimentares e metamorficas - Exercícios resolvidos de Geologia e Pedologia


1.       Defina:
·         Estratificação;
Estratificação é a separação em camadas ou estratos de qualquer formação natural ou artificial que se encontrava em forma homogénea (Presente em rochas sedimentares)
·         Xistosidade;
Trata-se de um elemento estrutural da rocha, evidenciado pela existência de planos paralelos (foliação) resultantes da existência de uma forte recristalização dos minerais que a constituem. Como resultado a rocha divide-se em finas lâminas paralelas. As rochas que possuem esta característica estrutural designam-se vulgarmente por xistos. (Presente em rochas metamórficas)
·         Foliação gnaissica;
Caraterizada pelo alinhamento de minerais de granulometria grossa, dispostos segundo leitos composicionalmente diferentes ou alongados segundo uma determinada direção preferencial. Os tipos mais comuns de foliação gnáissica são os brandamentos gnáissicos ou as foliações de augen gnaisses. Esta ultima também pode ser formada pela milonitização, por isso ao identificar uma foliação em um augen gnaisse veja se ele tem texturas miloníticas. Rochas que portam uma foliação gnáissica são produzidas pela exposição a altas pressões e temperaturas, atingidas mediante condições de alto grau metamórfico. (Presente em rochas metamórficas)

2.       Diferencie rocha sedimentar clástica  de rocha sedimentar orgânica.
As rochas sedimentares clásticas (ou mecânicas) são formadas a partir do transporte, acumulo e consolidação de partículas sedimentares como por exemplo areia e lama, já a rochas sedimentares orgânicas são formadas pelo transporte, acumulo e consolidação de restos orgânicos como por exemplo o carvão.
Ambas rochas são resultados da ação  e transporte por parte dos rios, geleiras, ventos e etc


3.       Enumere os agentes de formação das rochas metamórficas  e sedimentares.
Para rochas metamórficas:


·         PRESSÃO: O aumento da pressão faz com que o espaço entre os grãos dos minerais diminua e aumente o tamanho de cada grão, no caso das rochas metamórficas a pressão é alta, causada principalmente pela profundidade (soterramento)
·         TEMPERATURA:  A estabilidade físico-química dos minerais é sensível a temperatura, e com o aumento da mesma, ocorre o fechamento dos poros.








Para rochas sedimentares:
·          Água;
·         Vento;
·         Mudanças de temperatura; e
·         Os seres vivos.
Tais agentes provocam alterações químicas e físicas, esse fenômeno é chamado de meteorização.












4.       Em uma determinada rocha sedimentar que passou por vários ciclos sedimentares, qual mineral primário esperamos encontrar em maiores proporções?
Quartzo, pois é um mineral mais duro que a maioria dos outros que estão presentes no ciclo sedimentar.

5.       Diferencie: Dobramentos, fraturas e falhas.

Dobramentos: se constituem a partir de gigantescas pressões que acontecem de maneira horizontal, exercendo uma grande força sobre rochas de composições mais frágeis, como por exemplo, as sedimentares, esse fenômeno propicia o enrugamento do relevo. Temos vários exemplos no mundo de cadeias de montanhas que emergiram em decorrência das dobras e dobramentos, das quais podemos citar: a cordilheira do Himalaia, na Ásia; os Alpes, na Europa, e a cordilheira dos Andes, na América do Sul.

Fraturas: as rochas se deslocam, de forma que perdem a sua continuidade original. Existe um movimento relativo, em qualquer direção, dos blocos de rochas, que podem gerar juntas e/ou falhas.


Falhas: são formadas a partir de movimentos provocados por enormes pressões que sucedem de maneira vertical e horizontal, exercendo uma grande força sobre rochas mais sólidas e rígidas, como por exemplo, as cristalinas. Na execução do fenômeno, formam rupturas ou fendas nas extensões das rochas. Com isso, acontece o deslizamento entre as rochas. Tais movimentos são responsáveis pelo surgimento de escarpas e vales. As falhas podem surgir também em locais onde acontecem encontros de placas litosféricas.



6.       Considere dois mármores, um apresentando alta xistosidade e outro nenhuma. Qual escolher para uso na construção civil? Justifique
O com nenhuma xistosidade, pois a  rocha com alta xistosidade apresenta muitos planos paralelos como elementos estruturais, que tem baixa resistência comparando com uma rocha com nenhuma xistosidade.

7.       Qual o papel do relevo/topografia no ciclo sedimentar?
O relevo tem alta interferência no ciclo sedimentar, principalmente na erosão e no transporte de sedimentos, as montanhas são uma das principais fontes de sedimentos (por meio dos ventos, chuvas, geleiras e etc.)  e esses sedimentos são transportados conforme as características do relevo presente, onde eles podem se depositar em pequenas ou grandes depressões e planícies.



8.       Porque fósseis são encontrados geralmente em rochas sedimentares?
Pois as rochas sedimentares são formadas por sedimentos, como o próprio nome diz, e fósseis são sedimentos, que posteriormente são cobertos por outras camadas de sedimentos, sejam minerais ou orgânicos.

Obs: Tais camadas sedimentares são excelentes protetores dos fósseis, permitindo assim que se encontre os mesmos em bom estado de conservação.

9.       Porque uma mesma rocha pode dar origem a diversos tipos de rochas metamórficas?
Pois para dar origem a uma rocha metamórfica os principais requisitos são condições específicas de temperatura e pressão, portanto, uma mesma rocha em ambientes distintos de temperatura e pressão podem dar origem a vários tipos de rochas metamórficas.

10.   Porque é mais caro polir um quartzito do que um mármore?
Pois o quartzito tem maior grau de dureza do que o mármore.
O quartzito é formado basicamente de quartzo e arenito, onde o quartzo tem dureza 7, enquanto o mármore é formado basicamente de calcita, que tem dureza 3 (ambos na escala Mohs).

11.   A presença de xistosidade em esteatito (pedra-sabão) é interessante para a confecção de estatuas? Justifique.

Não. A presença de um rocha com xistosidade cria planos de fratura mais frágeis que em uma rocha que não tem xistosidade, como a confecção de está portanto não é recomendado o uso de rochas com presença de xistosidade para confecção  de estátuas. 


12. Entre conglomerado e Brecha, qual deles possuem maior quantidade de minerais primários facilmente intemperizáveis?

Brecha, pois a mesma possui partes "pontudas", sinal que nao passou por nenhum ou passou por poucos ciclos sedimentares, tendo assim maior quantidade de minérais primários facilmente intemperizáveis do que no conglomerado.

Obs: Quanto mais ciclos sedimentares passar, com maior grau de dureza ficará a rocha, pois os minerais menos duros se perderão no processo.


Referencias:

http://www.ige.unicamp.br/site/aulas/119/Metamorfismo11.pdf
http://www.infoescola.com/geologia/rochas-sedimentares/
http://www.ufrgs.br/paleodigital/Rochas_sedimentares.html
http://viveraterra.blogspot.com.br/2012/01/o-que-e-xistosidade.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Estratifica%C3%A7%C3%A3o
http://soraiabiogeo.blogs.sapo.pt/9208.html
http://www.rc.unesp.br/igce/aplicada/DIDATICOS/M%20RITA/aula11r.pdf
http://www.brasilescola.com/geografia/as-dobras-falhas-na-formacao-relevo.htm
https://www.algosobre.com.br/geografia/dobras-e-falhas.html
http://www.brasilescola.com/geografia/tipos-relevo.htm
http://www.ufrgs.br/paleodigital/Rochas_sedimentares.html
http://super.abril.com.br/cotidiano/fossil-mumia-sanduiche-rocha-436997.shtml
http://pt.wikipedia.org/wiki/Rocha_metam%C3%B3rfica
http://www.ehow.com.br/durabilidade-quartzito-info_114270/
http://www.rc.unesp.br/igce/petrologia/nardy/n5.pdf

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Duvidas, criticas ou sugestões? Deixe seu comentário